cabecalho

Tradutor

ptenfrdeelites

Placard Sindical

placard sindical site

Dias que um trabalhador tem direito pelo falecimen...
Dias que um trabalhador tem direito pelo falecimento de um familiar

Número de dias conforme o grau familiar. Ver anexo...

Ausência por motivo de falecimento de um familiar....
Ausência por motivo de falecimento de um familiar.

Quando se inicia a contagem das faltas por falecimento de familiar?
Devem ou não ser contab [ ... ]

Informação por email

Subscrever

Se quiser receber a informação do Sindicato por e-mail, inscreva-se aqui

Protocolos

logo medio1

Semana Nacional de Luta dos trabalhadores da EMEF

EMEF Concentracao23Jun2017Realizou-se hoje uma concentração dos dirigentes das esatruturas dos trabalhadores da EMEF, em frente ao Ministério do Trabalho e posteriormente em frente ao Ministério da Tutela. Esta acção foi integrada na semana nacional de luta dos trabalhadores desta empresa que termina hoje e, nos respectivos ministérios foi entregue a segunte resolução

Resolução aprovada

Defender a EMEF

MarchaEMEF 031220142Integrada na semana nacional de luta dos trabalhadores da EMEF, realizou-se hoje uma distribuição de informação à população a explicar as razões da luta e aquilo que se defende para o futuro da empresa, que para garantir a qualidade e segurança do transporte ferroviário, deve retornar à CP.

Ler mais...

Senama nacional de luta na EMEF

MarchaEMEF 031220142Vamos continuar a luta pela defesa da EMEF, dos postos de trabalho, pelo rejuvenescimento dos efectivos, contra a precariedade laboral com a passagem a efectivos de todos os contratos precários que ocupam postos de trabalho permanente.

Comunicado EMEF 15/2017

Não há resultados sem luta

EMEF Porto 18Abr20172No passado dia 7 o Sindicato reuniu com a administração da EMEF, numa reunião por esta convocada, onde foram discutidos, no essencial, três temas que estão na base da atual mobilização dos trabalhadores da empresa.

Comunicado EMEF 14/2017

Continuar a intervir pelo regresso ao futuro

EMEF Porto 18Abr20171A divisão da CP em diversas empresas foi acompanhada da redução de trabalhadores e das suas condições de vida, do ataque à contratação colectiva, do aumento da precariedade e teve como consequência o aumento dos custos para o País e a degradação do serviço ferroviário, porque a lógica do serviço público foi substituída pela lógica do lucro, ou seja,temos hoje empresas públicas a serem geridas na óptica dos privados.

Comunicado EMEF 13/2017

Ficha Inscrição

Sindicaliza teFicha de inscrição de associado

Ponto Seguro

ponto seguro